Menu

Dicas

Atividade Física para Pacientes com Dor Crônica

A atividade física tem um papel fundamental no tratamento de pacientes com dores crônicas. Segundo a especialista Heloisa Helena Lavagnini, da Golfinho Azul, primeira academia ecológica do Brasil, o exercício contribui para amenizar o estresse mecânico e promove uma reeducação da qualidade do movimento das pessoas que têm queixa de dor.
 

“O ato de fazer atividade de forma rotineira gera aos indivíduos com dor uma consciência de como seu corpo funciona, permitindo que eles respeitem a sua morfologia. Isso sem contar os benefícios sobre os quais já estamos acostumados a debater, como redução do risco de doenças crônicas; alívio da tensão, da ansiedade e da depressão; e aumento da qualidade de vida”, explica a professora.


Para conseguir promover o alívio da dor por meio dos exercícios, o especialista deve, primeiro, entender como ela começou, ou seja, sua origem, para, a partir daí, traçar uma estratégia seguindo estas informações. Este é o passo inicial para que a dor seja amenizada.
 

“Vamos direcionar especificamente a cada cliente um treino que funcione de forma terapêutica, trazendo conforto e evitando o aumento da dor”, diz Heloisa.
 

Para isso, é fundamental que o aluno que chega à academia com queixa de dor apresente exames de imagem e laudos que possam direcionar o profissional na montagem do treino. “Desta forma, conseguimos oferecer um atendimento personalizado, de acordo com a causa da dor e com os exercícios ideais para cada caso”, afirma a educadora física.
 

Heloisa Helena Lavagnini é especialista no atendimento a pessoas com dor e desenvolve este trabalho na Golfinho Azul há dois anos. A profissional tem especialização em Dor Crônica pelo Centro de Estudos da Dor e do Movimento (CEDM).

Av. São Sebastião, 835 - Cidade Alta, Cuiabá - MT, 78043-000
(65) 3623-4008
e-box - Sitevip InternetSitevip Internet